Time Out Rio de Janeiro

As maravilhas do açaí

Milhares de copos dessa delicia geladinha são vendidos todos os dias na cidade. Mas é possível que algo tão gostoso também seja saudável?  

O açai cresce nas folhas palmeiras, que pendurado em galhos, é muito convidativo a papagaios e tucanos. Ao redor do caroço há uma fina camada do fruto, assim como a atmosfera que envolve a Terra, porém, é densa em calorias (182 kcals a cada 100 gramas) e rica em cálcio e nas vitaminas B1,B2,B3 e C.


No sul, a popularidade da polpa se tornou uma onda graças aos surfistas cariocas (servido muito gelado, a dica é manter dentro da boca antes de engolir, para evitar aquelas pontadas repentinas na cabeça). Já no nordeste, você pode encontrá-lo fresco, salgado e servido com peixe.

O estado do Pará é responsável por 99% da produção nacional, um mercado que movimenta cerca de US$ 1.8 milhões por ano. Imbatível, todo mundo adora o delicioso açaí da Amazônia.


Confira os melhores açaís da cidade:

Amazônia Soul: a loja na praça General Osório leva o açaí a sério, como se percebe pelo preço. Mas você paga por uma polpa densa e consistente, que vem com acompanhamentos genuinamente amazônicos, como farinha de mandioca e tapioca.

Tacacá do Norte: num boteco discreto no Flamengo, a polpa da fruta também vem direto do Pará, o que significa uma receita mais pura e cremosa em copo ou tigelas enormes (R$ 14), que te deixarão pronto para o dia (300 ml, R$ 9).


Polis Sucos – um clássico carioca, a casa de sucos, ótima para um pós-praia, não teria uma reputação tão boa se não servisse um copo de açaí premium (300ml, R$ 5).

BB Sucos – aqui, o copo desta maravilha roxa e gelada transborda de açaí (300 ml, R$ 6).

Escrito por Doug Gray
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Hair & Beauty 2016

Boulevard Olímpico

Baixo Suíça reabre com tecnologia para deficientes