Time Out Rio de Janeiro

Ipanema é um luxo

Listamos as ruas do bairro que concentram as lojas mais exclusivas e caras da cidade

Ipanema sempre foi uma incubadora de tendências – de hábitos gastronômicos à moda - que foram exportadas para as outras partes do Rio e do mundo. Diversas grifes, como as hypadas Osklen e Farm, ganharam projeção nacional depois de lançarem marcas inteiramente pensadas no estilo de vida do bairro, conhecido por sua cultura praieira cheia de charme. Por isso, este é o melhor e mais caro comércio de rua da cidade, para quem prefere passear e fazer compras sem compromisso, do que se limitar a um shopping center. Cada metro quadrado é disputadíssimo pela especulação imobiliária e pelos comerciantes dispostos a pagar pelo ponto mais nobre da cidade. Ipanema é uma vitrine para o mundo, e os lojistas sabem disso.

Listamos os melhores endereços de Ipanema para encher as sacolas e esvaziar a carteira, confira.

Avenida Visconde de Pirajá
Na veia principal de Ipanema, estão as grandes lojas e galerias permeadas por pequenos negócios de comerciantes da velha guarda. Quase na esquina com a Joana Angélica, o centro comercial  Fórum de Ipanema (nº 351), concentra lojas de moda praia, como Blue Man (salas C/D), Salinas (sala 120), Lenny (sala 116) e BumBum (sala B). Para mulheres clássicas, Maria Bonita Extra (sala 109) e Folic (sala 101). A Sobral também fincou seu ponto ali, um bom lugar para comprar souvenirs do Rio em acrílico e bijouterias.

Mais adiante, a queridinha das jovens descoladas entre 20 e 30 anos, a Farm  instalou no quarteirão sua loja-conceito, a maior da rede. Já nos trechos entre a Maria Quitéria e a Garcia D`ávila, as boas compras estão na loja do designer Gilson Martins, que cria bolsas bem diferentes do que se vê por aí. Ele é conhecido especialmente pelas peças que tem o Rio de Janeiro como tema, uma dica de presente para turistas. A Caravana Holiday (nº 476) inspira-se no balneário da charmosa Búzios para trazer peças artesanais, com muita leveza e estilo.

Na altura da Aníbal de Mendonça, a galeria Top Center (nº 550), traz vasto repertório de  moda feminina. Mas a pedida é desvendar os pontas de estoque que ficam em seu edifício, que trazem descontos incríveis de grifes que possuem preços exorbitantes na calçada.

Rua Garcia D`àvila
A rua de maior quilate da região. Ali, concentram-se as grandes joalherias, como a H.Stern (foto), Amsterdam Sauer (entrada pela Visc. de Pirajá, 484 / 21-2279-6237), Sara Jóias (nº 129 / 21-3202-4515) e a carioca Antonio Bernardo. A elas, se juntaram as marcas internacionais Louis Vuitton (nº 114 / 21-2511-5839), Ellus (nº 73 / 21-2522-7649), Schutz (nº130 / 21-2512-3557) e NK Store. O passeio pode terminar com uma refeição no clássico Alessandro & Frederico, no descolado Venga! ou com um sorvete do Mil Frutas.

Rua Maria Quitéria
Na vizinha Maria Quitéria, os grandes nomes da moda nacional, uma ao lado da outra. Os conhecidos jeans da Fórum; o streetwear da Redley, os clássicos da Richards e a Shop 126 (nº 91 / 21-2267-9593), para a mulher contemporânea. Com estilo mais despojado, a multimarcas HomeGrow é referência no estilo urbano. Há ainda a Brazilian Soul (entrada pela rua Prudente de Morais,1102 / 21-2522-3641), dos mesmos sócios da Osklen, só que com preços ainda mais caros para turistas.

Rua Aníbal de Mendonça
Este ponto reúne algumas lojas queridinhas das meninas antenadas em moda, como a Espaço Fashion (nº114 / 21-2512-8419) e Maria Filó (nº81 / 21-2259-9230). Para a mulher contemporânea e sofisticada, a Cavendish (nº111. 21-2529-8573) está no mercado carioca há 20 anos e é natural de Ipanema.

Escrito por Bruna Velon
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Hair & Beauty 2016

Boulevard Olímpico

Baixo Suíça reabre com tecnologia para deficientes