Time Out Rio de Janeiro

Os melhores picos de surfe

Todas as praias podem fazer a cabeça, basta conhecer as ondas

Enquanto a molecada sonhava em ser Pelé, Carlos Burle preferia ficar no mar. Foi quando descobriu que seu maior compromisso era com o surfe. O caçador de ondas grandes fez história no esporte, tanto dentro quanto fora do Brasil. Ele contribuiu para a profissionalização do surfe e a criação de novas modalidades, como o tow in e o free surf.

Pernambucano radicado no Rio, o campeão mundial de ondas gigantes na remada também tem o lado B. Pai de família, Burle aprecia um fim de semana “relax total” para calçar o chinelo e aproveitar as ondas locais da cidade maravilhosa. Nada de aventuras mostruosas, para variar, afinal até uma boa “merreca” pode fazer a cabeça.

Com seu jeito tranquilo e zen, nosso kamikaze do mar explica que “cada pico tem suas características e vantagens, dependendo do que o surfista esteja procurando” e dá as dicas para a Time Out Rio sobre os melhores picos de surfe da cidade.

Arpoador
Quando a ondulação está de Leste, a praia do Arpoador quebra lindamente. Funciona com um swell médio ou grande. As esquerdas podem chegar a 10 pés. É um dos pontos mais tradicionais do Rio.

Canto do Leblon
Com um swell de sul ou sudeste, as direitas podem passar de 15 pés. Funciona com qualquer maré.

Praia da Barra
São 18km de praia, com água geralmente limpa. Com swell leste, predominam as ondas esquerdas e com swell do sul ou sudoesteas, ondas direitas. Nos dias com swell grande, as ondas rompem bem tubulares. Um ótimo pico para treinar tow in.

Itacoatiara
A praia de Itacoatiara é voltada para o Sul e por isso recebe as grandes ondulações de frente. Apesar de rolar na maior parte das direções, o swell de sudoeste é sempre o mais aguardado pelos surfistas. As ondas quebram dos 3 aos 12 pés, podendo alcançar 15 ou mais.

Praia da reserva
Com fundo de areia e alguns de pedra, a praia da reserva tem condições parecidas com a praia da Barra. As ondas passam de 5 pés.

Canto do Recreio
Protegida dos ventos sudoeste, as ondas do canto do recreio funcionam melhor com maré baixa e swell grande do sul ou do leste, que formam direitas de 2 a 8 pés.

Macumba
Com swell de sul ou de leste, as esquerdas e direitas são um pouco gordas. Variando de 2 a 8 pés. Muito frequentada por longboards e iniciantes.

Prainha
Quebram esquerdas e direitas nos dois cantos da praia. No meio, dependendo do swell, abrem direitas e esquerdas tubulares. O swell do leste favorece as esquerdas no canto esquerdo e, com swell de sudoeste, o surf rola no canto direito e no meio da praia. Um dos principais pontos turísticos do Rio.

Grumari
São 4km de praia, que oferece direitas e esquerdas nos dias de swell do leste. As ondas passam de 6 pés nos dias de swell grande.

http://carlosburle.com

Escrito por Alice Kuntz Moura
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Hair & Beauty 2016

Boulevard Olímpico

Baixo Suíça reabre com tecnologia para deficientes