Time Out Rio de Janeiro

Airá Ocrespo

Artista urbano lança projeto MC Grafiteiro - alcunha que denuncia suas duas facetas criativas - com crowdfunding para levantar verba para produzir seu primeiro vídeoclipe “Com Orgulho“

“De cabelo duro/ Orgulho do que sou/ Crespo, escuro“. Este é um trecho do refrão da música Com Orgulho, faixa do primeiro single do artista urbano Airá Ocrespo ou Airá-Ilu-Aiê, como na certidão de nascimento. Do Yorubá, Airá é aquele que não enfraquece; Ilu-Aiê é a terra da vida, a África. E ele realmente não foge às suas raízes e manda a letra: “A rua nos faz poder/ a rua me fez MC Grafiteiro”. Este é o nome de seu novo projeto, em que estará munido de microfone, rimas e sprays de tinta. Reconhecido nos muros da cidade e na cena rap carioca, ele lança em abril um crowdfunding para levantar dinheiro para produzir seu primeiro vídeoclipe. E as recompensas para aqueles que investirem mais serão seus próprios trabalhos de graffiti.

“Com Orgulho é a música de lançamento do MC Grafiteiro, um projeto eu criei para unir meus dois trabalhos. Muita gente dizia que eu devia focar em uma atividade, mas acredito que vai ser um diferencial do mercado de arte urbana. O público está cada vez mais exigente“, conta Airá.

A aposta confirma suas habilidades multimídias, tendência forte na arte em tempos em que a tecnologia facilita tanto a produção quanto a divulgação de trabalhos na internet. O objetivo é expressar o conceito das músicas, valorizando o audiovisual através de recursos diversos, como a animação.

“Novos formatos permitem ao artista terem uma assinatura mais informal, mais criatividade e vários meios para se expressar. Mesmo que o cara não seja mega profissional, ele pode explorar novas mídias e ter retorno“, diz.

E é assim que o MC Grafiteiro pretende levantar uma grana para produzir seu primeiro vídeoclipe através de um crowdfunding. Durante todo o mês de abril, as pessoas poderão contribuir com uma quantia em dinheiro para viabilizar seu projeto, que ele quer ver viralizado no Youtube, Facebook, nos celulares.

“Estava acompanhando essa história através da internet e achei uma proposta bacana. Dá mais autonomia para os artistas e consegue, através do poder de articulação, viabilizar coisas que seria mais demoradas se fossem um patrocínio ou edital. Quis ousar, pois ainda não é um conceito muito difundido na minha rapaziada. To querendo levantar essa bandeira, ser o embaixador do crowdfunding”, brinca.

E como diz a letra, tem que “crer na missão/ na direção / e ter visão amplia a dimensão (...) Vencer é normal / basta ter um ideal“. Esse é o MC Grafiteiro por Airá Ocrespo.


 

Escrito por Bruna Velon
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Hair & Beauty 2016

Boulevard Olímpico

Baixo Suíça reabre com tecnologia para deficientes