Time Out Rio de Janeiro

Stand up paddle

Diretamente do Havaí: Conheça o relaxante remar que invadiu as praias da Cidade.

O percurso entre as orlas das praias da Zona Sul até a Barra da Tijuca não são mais restritamente território de surfistas e outros esportes radicais aquáticos. Isso graças a uma crescente onda de navegantes que deslizam sobre as águas do Rio, calmos e zen, remam de pé sobre um tipo de prancha maior que a do surf convencional. O stand up paddle (SUP) é um fenômeno. A última moda entre os “meninos e meninas do Rio”. Um esporte que virou mania como o Slacklining, só que não tão puxado para uma atividade praiana ultra saudável.

Se uma queda durante o surf pode acabar com o entusiasmo de um esporte que deve ser divertido, o SUP é o antídoto perfeito. Nascido no Hawaii nos anos 60, essa “nova onda” ganhou popularidade nas águas calmas, como o Posto 6 em Copacabana. Lá, a parede do Forte protege as águas dos ventos, e uma série de boias foram colocadas para proteger a área, onde os iniciantes dessa modalidade podem ficar à vontade para praticar sem medo.

Quem tem mais equilíbrio e espirito de aventura pode se arriscar e remar ao redor da península, passando da Praia do Diabo até as pedras do Arpoador. De preferência remando pelo outside, atrás dos surfistas que pegam onda nesta área. Mas atenção: Não vá “furar a onda dos locais” se você não tiver certeza do que está fazendo pode dar confusão. E sim, a vista do Arpoador para a praia de Ipanema é incrível!

Eduardo Laucas da SUP Copa foi a primeira das três escolas que se estabeleceu no Rio, após a famosa volta na praia em 2007. Porém, é possível encontrar escolas também em Ipanema e Lagoa. A última que entrou nesta corrida foi o Palaphita Kitch bar, que realiza testes semanais de qualidade das escuras águas da Lagoa para acalmar os receios por possíveis quedas ali. Já as escolas de Ipanema só funcionam quando a maré está calma. Em todas essas escolas você irá encontrar pessoas entusiasmadas de todas as idades, desde que haja pranchas disponíveis para todos. Por isso, é sempre bom fazer uma reserva com antecedência, garantindo sua prancha, principalmente nos finais de semana quando estas escolas estão lotadas.

  • Aulas com Eduardo na SUP Copa (21 9828 2566) - preço R$50/hora, com pacotes de 8 aulas o custo sai por R$200-$300. Quiosque Posto 6, Copacabana. Diariamente: 7h às 16h.
  • Aulas com João Paulo na Experiências (21 3164 1992) - preço R$70/hora, ou aluguel da prancha por R$40/hora. Quiosque Palaphita Kitch, Avenida Epitácio Pessoa, Parque Cantagalo, Lagoa. Seg-sex 8h-11h e 14h-19h; Sab-dom, 8h-19h.
  • Aulas com Fabio na Surf Rio (21 9180 2287) – preço por R$60/hora. Praia de Ipanema entre Rua Maria Quitéria e Rua Garcia D’Avila. Diariamente: 8h-17h (de acordo com a maré).

Escrito por Time Out Rio de Janeiro editors
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Dia dos Pais 2017

Dia das Mães 2017

Páscoa 2017 no Rio