Time Out Rio de Janeiro

Fantasmas de guerra e paz

A peça, que faz parte do Projeto Tolstoi nos 21 anos do Studio Stanislavski será apresentada simultaneamente nas duas salas do Instituto do Ator, na Lapa

Este evento terminou

Fantasmas de guerra e paz

Preço de R$ 10 até R$ 20

Data 11 Mai 2012-15 Jul 2012

Horário de funcionamento Sex-Dom, 20h

Diretor Celina Sodré

Elenco Elenco: Branca Temer, Carlos Tonelli, Carol Caju, Clara Choveaux, Douglas Resende, Evelin Reginaldo, Henrique Gusmão, Joana dos Santos, Juan Carlos, Kettlen Cajueiro, Marcus Fritsch, Mauricio Fuziyama, Mel Brígida, Michael Sodré e Tuini Bitencourt

Instituto do Ator
Rua da Lapa, 161, Lapa

Telefone (21) 2224-8878

Qual é a fronteira entre ator e espectador num espetáculo teatral? Esta é uma das questões norteadoras da pesquisa que há 21 anos, a diretora Celina Sodré desenvolve com o Studio Stanislavski. Esta pesquisa tem outro foco no trabalho do ator como artista criador a partir dos ensinamentos de Constantin Stanislavski e Jerzy Grotowski, com quem teve a oportunidade de ter um contato direto e estudar no final da década de 80. Na nova montagem da companhia, Fantasmas de Guerra e Paz, a diretora conduz o público através de alguns ‘recortes’ do romance Guerra e Paz de Leon Tolstoi.

O projeto Tolstoi nos 21 anos do Studio Stanislavski, começou com cinco estudos cênicos, que estiveram em cartaz, em 2010 e 2011, no Instituto do Ator, dirigidos por Fabio Porchat, Henrique Gusmão, Silvia Pasello, diretora italiana especialmente convidada para este trabalho, Dinah Cesare e a própria Sodré, idealizadora do projeto de ‘transporte’ do clássico “Guerra e Paz” para o teatro, pela primeira vez no Brasil.

Em Fantasmas de Guerra e Paz Sodré trabalha com o conceito de dramaturgia física e localiza a ação do espetáculo em um prostíbulo, num tempo e num lugar que oscilam entre os séculos XVIII e XXI, e, entre Moscou e Rio de Janeiro.

O sobrado na Lapa onde está o Instituto do Ator já funcionou como um prostíbulo décadas atrás. “Quando nos instalamos aqui, em 2008, ainda encontramos as marcas, dos cubículos e do corredor, no piso de madeira”, lembra Sodré. Essa ‘memória’ do próprio espaço foi fonte de inspiração para o trabalho.

Fantasmas de Guerra e Paz é o primeiro trabalho em que um pequeno grupo de duas travestis e uma transexual já atuam como atrizes da companhia, depois de um período de formação de três anos e meio. A experiência objetiva delas com a prostituição também contribuiu para a pesquisa da circunstância ficcional do

Capacidade: 30 pessoas

Duração: 1h 40min
 

Escrito por Time Out Rio de Janeiro editors
Compartilhe

Mapa


     Se o mapa ou detalhes deste estabelecimento estão incorretos, entre em contato

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus