Iberê Camargo: Um Trágico nos Trópicos

3 Mai 2014- 7 Jul 2014

Fábio Del Re/Divulgação
'Núcleo', obra do pintor Iberê Camargo
'Núcleo', obra do pintor Iberê Camargo

Este evento terminou

A primeira grande exposição de Iberê Camargo em São Paulo nos últimos 10 anos dá inicio às homenagens do centenário de nascimento de um dos maiores artistas brasileiros. São cerca de 145 obras entre pinturas e gravuras. 

O gaúcho Iberê Camargo é autor de uma obra extensa, que inclui pinturas, desenhos, guaches e gravuras. Suas referências desde jovem eram personalidades independentes, como Guignard e Goeldi. Na Europa, estudou com mestres como Giorgio de Chirico, Carlos Alberto Petrucci, Antônio Achille e André Lhote.

Iberê exerceu forte liderança no meio artístico e intelectual durante sua carreira. Teve sua obra reverenciada em exposições de renome internacional, como a Bienal de São Paulo, a Bienal de Veneza, a Bienal de Tóquio e a Bienal de Madri, e integrou inúmeras mostras no Brasil e em países como França, Inglaterra, Estados Unidos, Escócia, Espanha e Itália.

A questão do corpo e da carne (seja a da pintura e das tintas, seja a do homem e sua existência) marca a obra do artista desde seu início nos anos 1940 e a percorre até o final, nos anos 1990. Esta preocupação faz ressaltar a própria urgência da vida e sua inevitável finitude, com uma pincelada nervosa e precisa. Iberê morreu em 1994, em Porto Alegre, deixando um acervo de mais de cinco mil obras que em grande parte integram o acervo da Fundação Iberê Camargo na capital do Rio Grande do Sul.

Serviço

Centro Cultural Banco do Brasil


Endereço Rua Álvares Penteado, 112

Centro, São Paulo

Estações próximas 1, Sé

Telefone (11) 3113 3651

Site de Centro Cultural Banco do Brasil

Data 3 Mai 2014- 7 Jul 2014

Horário de abertura 9h-21h.

Mapa


     Se o mapa ou detalhes deste estabelecimento estão incorretos, entre em contato

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.