Vai um pouco de cinema?

 André de Leones comenta as 4 estreias da semana, 1 de junho de 2012

Universal Pictures / Divulgação
Charlize Theron abraça o Lado Negro da Força no novo 'Branca de Neve'
Charlize Theron abraça o Lado Negro da Força no novo 'Branca de Neve'

 

Semana meio devagar, como se o circuito respirasse fundo e se colocasse à espera de estreias vindouras e de maior peso como, por exemplo, o novo filme de Roman Polanski. Seja como for, caso o leitor não queira aproveitar a maré relativamente baixa para ver ou rever algum filme melhor que ainda esteja em cartaz, sugerimos o drama À Espera de Turistas, sobre como o passado nazista alemão ainda lança sua sombra - e como a juventude alemã lida (ou não) com isso. Agora, se o amigo aí estiver à procura de barulho, Branca de Neve e o Caçador é mais um exemplar desse subgênero no qual clássicos da literatura rendem arrasa-quarteirões ensurdecedores e sem qualquer estofo. Nesse caso, abrace a surdez e seja feliz. 

À Espera de Turistas | Branca de Neve e o Caçador
Solteiros com Filhos | Um Verão Escaldante
 


À Espera de Turistas (Am Ende kommen Touristen)
 

Um jovem alemão vai trabalhar como voluntário no Museu de Auschwitz. Além disso, passa a cuidar de um sobrevivente do Holocausto que o trata com arrogância e desprezo, e inicia um relacionamento amoroso com uma intérprete. O desequilíbrio entre o passado e o presente e a necessidade paradoxal de reviver ou, pelo menos, não se esquecer do inominável contaminará ambas as relações, a do jovem com o velho, e com sua namorada.

É importante que ainda se façam filmes sobre a irresolvida (porque impossível de se resolver) relação dos alemães com o seu passado. Mais importante ainda é que esses filmes estejam sendo realizados por jovens: Thalheim nasceu em 1974, e não podemos esquecer do bom Combat Girls, de David Wnendt, exibido na última Mostra de Cinema de São Paulo.

Fazer uma auto-crítica honesta é algo imprescindível para que se possa conviver com os horrores de outrora sem relativizá-los ou esquecê-los. Ao trazê-los para o seio da juventude alemã, em pleno século XXI, À Espera de Turistas dá mais um passo importante nesse sentido.

Dir. Robert Thalheim, Alemanha, 2007. Alexander Fehling, Ryszard Ronczewski, Barbara Wysocka, Piotr Rogucki. 85 min.


Branca de Neve e o Caçador (Snow White and the Huntsman)
 

Surto psicótico a vinte e quatro quadros por segundo, Branca de Neve e o Caçador violenta o conto de fadas original para transformá-lo num animal inclassificável, horrendo e bem ao gosto de parte da audiência. Há uma pretensão de soar épico a qualquer custo, mas algo que grandes cineastas como David Lean e Stanley Kubrick sabiam escapar à compreensão dos infelizes responsáveis por esse tipo de produto: sem criatividade, não há grandiloquência que se sustente em pé.

Dir. Rupert Sanders, EUA, 2012. Kristen Stewart, Chris Hemsworth, Sam Claflin, Charlize Theron. 127 min.


Solteiros com Filhos (Friends with Kids)
 

Outra comédia despretensiosa (o que, para alguns espectadores, é uma boa notícia). Sinopse: dois melhores amigos, depois de observar vários casais de amigos tendo filhos, decidem ter um bebê, mas continuam com suas vidas de solteiros. Se existe uma coisa imutável nesse mundo é o arco narrativo de comédias românticas. E, para os que curtem esse tipo de coisa, o melhor é que seja assim.

Dir. Jennifer Westfeldt, EUA, 2011. Adam Scott, Jennifer Westfeldt, Kristen Wiig, Jon Hamm, Megan Fox, Maya Rudolph, Chris O'Dowd. 107 min.


Um Verão Escaldante (Un Été Brûlant)
 

O veterano cineasta Philippe Garrel, do belo Amantes Constantes, mergulha com gosto no chão dos relacionamentos amorosos em Um Verão Escaldante. Frédéric é um pintor e vive com Angèle, uma atriz que está filmando em Roma. Paul, por sua vez, atua como figurante em filmes e conhece Élisabeth em um set. Estão todos em Roma, no verão, e agem como se, conforme diz um personagem, no amor, fosse cada um por si. Há violência e verdade nisso.

Dir. Philippe Garrel, França, Itália, Suíça, 2011. Monica Bellucci, Louis Garrel, Céline Sallette, Jérôme Robart. 95 min.

Escrito por Time Out São Paulo editors
Tags: 
 

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.