Desaperte os cintos

Enquanto a cidade se prepara para a Fórmula 1, faça um test drive dos melhores bares temáticos

Divulgação

Com mais de 7 milhões de veículos nas ruas, um piloto entre seus heróis nacionais e a Fórmula 1 de Interlagos todo ano, não é de surpreender que a paixão do paulistano pelo automobilismo vá muito além de dirigir para o trabalho todo dia. E com bares temáticos abrindo em toda a cidade, não precisa ser dono de posto, pilotar uma Harley nem ter um ingresso para o Grande Prêmio para curtir uma pequena aventura.

“Os brasileiros são muito apaixonados por seus carros”, explica Patrícia Romanatti, ex-navegadora de rally e co-proprietária do Pé no Porão. “Havia tantos bares com temática de futebol na cidade, que não foi surpresa quando começaram a surgir casas que homenageavam os esportes a motor. Muita gente os considera a segunda maior paixão esportiva do Brasil.” Romanatti e seu ex-parceiro, o piloto Paulo Nobre, abriram o Pé no Porão há pouco mais de um ano, e o resultado é um bar com a cara do esporte.

Macacões velhos e capacetes usados por pilotos campeões dividem as prateleiras com troféus reluzentes – alguns com os nomes de Patrícia e Paulo –, enquanto destaques de competições de rally passam nos telões. Estacione no bar, peça uma ‘Pé no Porão’ – caipirinha de Jack Daniels – e entre no clima com o rock de veteranos como o Motörhead.

Duas rodas
Para uma aventura em duas rodas, o Johnnie Wash e o Bar do Santa são os lugares ideais. No descontraído Bar do Santa, na Vila Madalena, os motociclistas podem jogar sinuca e ouvir bandas cover tocarem clássicos do rock, enquanto supervisionam suas amadas motos serem lavadas e enceradas. Nas duas grandes caixas de vidro que separam o interior de pé direito alto e o terraço, as motos dos clientes recebem tratamento completo, mediante reserva antecipada e uma taxa de R$ 35.

Já no Johnnie Wash, na Vila Olímpia, a novidade lavagem-e-cera combinada ao rock’n’roll nostálgico dos anos 1950 também é uma atração tanto para os motociclistas como para a galera na happy hour. E isso é só uma parte do atrativo: “As pessoas querem fazer parte de um estilo de vida, e é por isso que elas vêm aqui”, diz o gerente do bar, Romano Garotti, membro da crescente comunidade de motociclistas da cidade.

Se James Dean tivesse vivido em São Paulo, ele certamente adoraria ter provado a ‘MaracuJack’ – caipirinha de maracujá com Jack Daniels – enquanto via sua Triumph TR5 Trophy 1955 receber o tratamento completo.

Bar do Santa R. Fidalga, 330, V. Madalena, 11 3297 5448. Seg. a qua., 10h-18h; qui., 10h-0h; sex. e sáb., 10h-4h; dom., 10h-20h. Cerveja long neck, R$ 8; caipirinha, R$ 12,50; couvert, R$ 15 (sex. e sab.). bardosanta.com.br

Johnnie Wash R. Dr. Cardoso de Mello, 570, V. Olímpia, 11 3044-1195. Seg. e ter., 8h-20h; qua. a sex., 8h-últ. cliente; sáb., 8h-22h; dom., 9h-19h. Chope, R$ 5,90; caipirinha, R$ 18; couvert, R$ 15 (sex.). johnniewash.com.br

Pé no Porão R. Clodomiro Amazonas, 1.041, Itaim Bibi, 11 2338-8510. Seg. a qua., 12h-16h; qui. a sáb., 12h-0h. Cerveja long neck, R$ 5; caipirinha, R$ 15. penoporao.com.br


 

 

Mais sobre o GP de Fórmula 1 do Brasil


GP de Fórmula 1 de 2012

41º GP de Fórmula 1


F1 - O que você precisa saber

F1 - Já se programou?

F1 - Não deixe de levar

Quarentão acelerado - GP de Fórmula 1 do Brasil 2011

 

Escrito por Urmee Khan
 

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.