A Invenção de Hugo Cabret (Hugo)

3
Paramount/Divulgação
Cena do filme 'A Invenção de Hugo Cabret'

Isso sim era inesperado: divulgado como um filme açucarado no estilo de Chris Columbus, a surpreendente adaptação do diretor norte-americano Martin Scorsese – baseada na literatura infantojuvenil – se revela um bizarro monstro de duas cabeças.

Comecemos pelo que interessa: em um filme de US$ 170 milhões sobre Georges Méliès, difícil fazer melhor do que isso. O ator inglês Ben Kingsley, que está maravilhoso no papel, interpreta o ilusionista e cineasta francês que fez 500 filmes (de que se tem registro), inclusive o seminal Viagem à Lua (mudo), antes de ir à falência durante a Segunda Guerra Mundial.

Méliès acabou comandando uma loja de brinquedos na estação de trem de Montparnasse, em Paris – que é o principal cenário do filme em terceira dimensão de Scorsese (sem dúvida, um dos melhores usos desse formato).

É nesse lugar, onde cada canto parece guardar um segredo, que encontramos o dramaturgo já senil e amargo, por volta de 1931. Infelizmente, também é onde a outra parte da trama, mais sem graça, acontece.

Na verdade, Méliès não é o personagem principal da história, apesar de ficar claro que Scorsese está mais interessado nele, a partir de diversos trechos mais documentais e de algumas ternas recriações do diretor trabalhando (em flashback).

Essa é, essencialmente, uma narrativa sobre um menino órfão, Hugo Cabret (Butterfield, um pouco apagado), que tenta resolver o mistério de um androide herdado de seu falecido pai. Méliès está ligado a esse enigmático robô, assim como a inteligente coadjuvante (Moretz) que fica amiga de Hugo porque está em busca de aventura.

Mas o humor infantil não tem muito a ver com Scorsese. Ele preferiria deixar Hugo de lado e ensinar a ele (e a nós) sobre a colorização no cinema mudo em vez de uma narrativa pastelão sobre a paternidade (alô, Sacha Baron Cohen!). Ainda assim, você não pode deixar de admirar a ambição do projeto: uma estranha mistura de Babe, o Porquinho Atrapalhado com História(s) do Cinema de Godard, A Invenção de Hugo Cabret é o estranho no ninho que vai agraciar os cinemas multiplex em breve.

Estreia em 17 de fevereiro

Escrito por Keith Uhlich

Mais sobre A Invenção de Hugo Cabret (Hugo)

Duração 126 minutes

País de origem EUA

Ano de produção 2011

Classificação Not available

Estreia 17 Fev 2012

Diretor Martin Scorsese

Elenco Asa Butterfield, Chloe Moretz, Ben Kingsley

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.

powered by