Time Out São Paulo

Diário de um Jornalista Bêbado

Diário de um Jornalista Bêbado

Diretor Bruce Robinson

Elenco Johnny Depp, Giovanni Ribisi, Aaron Eckhart

Dizem que Johnny Depp estava com o escritor Hunter S. Thompson mexendo em caixas no porão do autor quando se deparou com o manuscrito de O Diário de um Jornalista Bêbado – um romance que Thompson escreveu no início dos anos 1960, aos 22 anos, transformando em ficção seu emprego em um jornal de Porto Rico. Depp o convenceu a publicá-lo. Ah, e por que não fazer um filme? O resultado é surpreendentemente descomplicado, um afetuoso tributo a Thompson (que morreu em 2005) – apesar de talvez ser mais convencional do que qualquer filme associado a ele teria o direito de ser. Apesar de a sequência ser cheia de trapalhadas embriagadas, você não verá drogas, surtos de raiva, cocaína, alucinógenos e, teoricamente, perda do controle motor. O roteirista e diretor Bruce Robinson (Os Desajustados) desinfetou o romance e o transformou em uma história que conta as origens do jornalismo.

Depp é o alterego de Thompson (assim como fez em Medo e Delírio): Paul Kemp, um escritor fracassado de 30 anos que acaba indo parar em um jornal de quinta em Porto Rico. “Não tenho voz. Não sei como escrever como eu mesmo”, reclama ele. Esse é Thompson antes de inventar o ‘jornalismo gonzo’ – aquele frenesi de ficção-não-ficção que ele apontava contra aqueles que acreditava serem desonestos e impostores. Como Kemp encontra seu estilo de texto? Tudo começa quando ele toma ácido pela primeira vez. A história se desenrola com uma briga com um empresário corrupto (Aaron Eckhart) e sua namorada (Amber Heard).

É um filme engraçado e, ao mesmo tempo, emocionante. Mas, assim como gonzo sem Thompson não tem a mesma (ou nenhuma) força, O Diário de um Jornalista Bêbado não tem direção, e também lhe falta um pouco de tom. E é preciso perguntar se Depp – aos 48 anos – não está um pouco velho para fazer um personagem de 30. Não tenho certeza.

Estreia em 20 de abril.

Escrito por Cath Clarke
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus