26º Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo

19 Ago 2015-30 Ago 2015

Divulgação
Cena do curta 'Aventura, Amor e Transporte Público', do diretor Bruno de André

Este evento terminou

Com o tema 'Mobilidade Urbana', o festival chega a sua 26ª edição discutindo uma questão tão presente no cotidiano dos moradores da metrópole paulistana. Em 2015, filmes de diversos países serão reunidos em quatro programas especiais: 'Carro – um Trajeto', 'Personagens em Deslocamento', 'Mobilidade Humana' e 'Vélo'. As sessões acontecem no Museu da Imagem e do Som (MIS), Cine Olido, Centro Cultural São Paulo e Espaço Itaú de Cinema Augusta, com entrada gratuita.

Alexandra Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos, realizadores do curta E, um documentário inventivo sobre estacionamentos, especulação imobiliária e (i)mobilidade urbana – exibido na edição de 2014 do festival –, assinam a curadoria de dois programas. Em 'Carro – um Trajeto', eles propõem um olhar mais detido sobre os distintos papéis que o automóvel ocupou e ocupa no imaginário nacional. Já em 'Personagens em Deslocamento', mostram como as vidas das pessoas que se movem pela cidade são drasticamente alteradas pelas possibilidades ou impossibilidades de movimentação.

'Mobilidade Humana' é uma retrospectiva de curtas-metragens que já passaram pelo festival e revelam aventuras humanas vividas em diferentes trajetos. O último programa, 'Vélo' (bicicleta, em francês), é uma seleção de filmes de uma mostra especial do festival francês Clermont-Ferrand que afirmam a condição de liberdade que a bicicleta proporciona.

Passeio ciclístico e Estação MIS
O festival também tem como destaque neste ano o projeto Cinema Móvel, que terá curtas-metragens projetados ao ar livre em diversos pontos de São Paulo. A primeira sessão acontece no dia 23 de agosto, domingo, na Praça Roosevelt, após um passeio ciclístico de aproximadamente 40 minutos, que terá concentração na Praça do Ciclista às 16h, e saída às 17h. Outras seis sessões estão programadas durante o evento, como na Praça do Ciclista (dia 25) e no Largo da Batata (dia 27), ambas às 19h.

Para a 26ª edição, foi criada a instalação audiovisual 'Estação MIS – O Dom de Iludir', que estará em exposição no Museu da Imagem e do Som durante todo o festival. Inspirada em uma cena do filme Próxima Parada: Bairro Boêmio, de Paul Mazursky, representa um vagão de metrô, com portas, janelas e barras de apoio (proporções não reais). Além de um espaço de encontro, a estação terá projeções de trechos de curtas sobre mobilidade e disponibilizará a programação do festival para consulta.

Confira a programação completa do festival no site kinoforum.org.br.

Serviço

Data 19 Ago 2015-30 Ago 2015

Horário de abertura Confira os horários das sessões na programação.

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.