Time Out São Paulo

Melhores parques da cidade

Grandes áreas verdes detonam o mito de que São Paulo é uma cidade cinza


São Paulo já não é mais chamada de ‘terra da garoa’ há tempos, e o apelido carinhoso foi trocado pela dura expressão ‘selva de pedra’ conforme o concreto foi se alastrando e tirando da frente as poucas árvores das ruas. Mas esta é apenas mais uma de suas contradições: a cidade não é feita apenas de uma mancha cinza. Para provar que você pode – e deve – aproveitar os tons de verde daqui, confira a seguir os 5 parques selecionados.
 

Parque do Carmo

Seu nome de batismo veio da Ordem das Carmelitas, quando o parque ainda era uma fazenda. Hoje é um dos maiores da cidade: são cerca de 1,5 milhão de metros quadrados para você se isolar de tudo e, quem sabe, de todos. Não deixe de visitar o planetário e, se quiser um pouco mais de adrenalina, a trilha de ciclismo, ideal para praticantes de mountain bike.
Avenida Afonso de Sampaio e Souza 951, Parque do Carmo, zona leste, (11) 2748 0010, 6h-18h.

Leia mais sobre o Parque do Carmo

Villa-Lobos

O Parque Villa-Lobos é ainda um adolescente – foi inaugurado há apenas 17 anos. Suas árvores mais velhas já estão grandes e frondosas, mas amplos gramados expostos ao sol ainda dominam a paisagem. Trilhas de concreto para jogging e bicicleta circundam campos de futebol, quadras e equipamentos para ginástica. Alugue uma bicicleta, um skate ou patins e aproveite tudo sobre rodas.
Avenida Professor Fonseca Rodrigues 1655, Alto de Pinheiros, zona oeste, (11) 3023 0316, 6h-18h, www.ambiente.sp.gov.br/parquevillalobos.

Cantareira

O Parque Estadual da Cantareira, tombado pela UNESCO, é uma das maiores áreas de mata nativa dentro de uma região metropolitana. São 8 mil hectares de área – aproximadamente oito mil campos de futebol, de remanescentes da Mata Atlântica. O espaço é formado por quatro núcleos abertos à visitação: Pedra Grande, Engordador, Cabuçu e Águas Claras, além de 14 trilhas.
Rua do Horto, 1799, Horto Florestal, zona norte, (11) 6232-5049, R$2, grátis para menores de 10 e maiores de 60, sáb - dom, 8h-16h.

Ibirapuera

São Paulo merece o Parque do Ibirapuera, um oásis de calma em meio ao caos urbano. Seus dois quilômetros quadrados têm muito a oferecer: duas pista de jogging por entre as árvores; aluguel uma bicicleta e ciclovia; aula gratuita de yoga ou capoeira. Ou ainda, saborear uma água de coco gelada, sentar e aproveitar a apenas relaxar ouvindo o canto das mais de 120 espécies de pássaros que vivem por ali.
Av. Pedro Álvares Cabral, Moema, zona sul, metrô 2, Brigadeiro ,  (11) 5574-5177, www.parqueibirapuera.org, seg - dom - 8h - 18h.

Parque Trianon

Denso, exuberante e deliciosamente sombreado, o Parque Trianon é uma surpresa agradável em meio ao agitado centro empresarial da Avenida Paulista.  Única reserva da Mata Atlântica da região, sua infra-estrutura conta com a Trilha do Fauno, de 600 metros e 11 estações, além aparelhos de ginástica e playgrounds.
Rua Peixoto Gomide 949, Jardim Paulista, metrô 2, Trianon, (11) 3289 2160, diariamente, 6h - 18h

Escrito por Time Out São Paulo editors
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Carnaval de rua em SP

20 shows gratuitos no aniversário de SP

Novidades no Jamie´s Italian