Time Out São Paulo

Missão Madrinha de Casamento

Missão Madrinha de Casamento

Diretor Paul Feig

Elenco Kristen Wiig, Maya Rudolph, Melissa McCarthy

As tentativas de adaptar as sempre populares comédias pastelão ao gosto feminino têm sido bastante infelizes, como pode atestar qualquer um que tenha tido a coragem de ver filmes como Tudo para Ficar com Ele e Noivas em Guerra. Mas será que se trata apenas de filmes ruins, ou isso aponta para um gênero de comédia um tanto inconsistente? Será que, mesmo no mundo moderno, o público não gosta da ideia de mulheres vomitando, brigando e soltando pum?
Na verdade não. Esses filmes é que são ruins mesmo. Pegue um roteiro cheio de tiradas engraçadas, um elenco talentoso e muito simpático e um time criativo, como em títulos como Freaks and Geeks (do diretor Paul Feig) e O Virgem de 40 Anos (do produtor Judd Apatow), e o resultado pode ser tão desgraçadamente agradável quanto os melhores equivalentes masculinos.
Missão Madrinha de Casamento é uma criação da pupila do programa Saturday Night Live, Kristen Wiig, cujos memoráveis papéis coadjuvantes (de Garota Fantástica a Paul) levaram a um merecido papel protagonista aqui – se bem que o fato de ela ser co-autora do roteiro deva ter ajudado. Wiig é Annie, uma mulher casca grossa de 30 e tantos anos cujo ego já bastante frágil leva um golpe fatal quando ela descobre que sua única amiga ainda solteira, Lillian (Maya Rudolph), vai se casar. Imediatamente concordando em ser a principal madrinha, Annie se encarrega de enfrentar uma turma de madrinhas atrapalhadas e teimosas ao longo dos preparativos da festa, com consequências previsivelmente desastrosas.
Lidando com todo tipo de situação – desde sátiras dissimuladas até a comédia mais escrachada, do romance meloso às insinuações mais sacadas (sua personificação do pênis é tanto quanto genial) –, a atuação de Wiig é notável. Suas cenas com Rudolph dão o tom do filme: é difícil pensar em uma descrição mais convincente e hilária da amizade feminina.
O restante do elenco é secundário, mas digno de nota: entre os homens, John Hamm (protagonista da série Mad Men) se destaca no papel do 'amigo de transa' de Annie, enquanto o veterano da TV britânica Chris O'Dowd garante uma boa dose de charme desengonçado. No time feminino, Rose Byrne faz uma vilã impagável como Helen, a tensa rival de Annie, mas acaba sendo ofuscada por Melissa McCarthy, que faz a brusca e corpulenta Megan.
Mas nem tudo funciona tão bem: algumas das piadas mais escrachadas parecem um pouco sem sentido, enquanto algumas das cenas finais, quando Annie começa a sair dos trilhos completamente, são forçadas. Além disso, como costuma acontecer nas produções de Apatow, o filme é um pouco longo demais. Mas, no geral, Missão Madrinha de Casamento é bem-sucedido, uma mistura de mau gosto com bom humor com um centro emotivo convincente, muitas vezes tocante, tudo isso girando em torno de uma grande interpretação.

Escrito por Time Out São Paulo editors
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus