Esquenta

Conheça o trabalho de alguns grupos nacionais que tocam no Lollapalooza

Karen Ferreira/Divulgação
O rock da Tipo Uísque passeia por referências ecléticas que vão dos 1970 à atualidade. E os figurinos são divertidos

Como preparação para a maratona do Lollapalooza, confira as informações sobre algumas das bandas menos conhecidas do line-up nacional que valem a pena ser ouvidas antes do festival, com uma miniplaylist para entrar no clima. Coloque os fones de ouvido e comece o aquecimento.

Tipo Uísque

O canto da vocalista Pin Böner merece atenção. Carioca, a Tipo Uísque já foi exclusivamente feminina, mas hoje tem dois guitarristas. A safra de seu rock atemporal evoca nomes tão diferentes quanto Gossip e Led Zeppelin, com toques ocasionais eletrônicos. Os figurinos, por vezes futuristas, maquiagens e visual especial trazem a pinta fashion a esses cariocas do rock. Seu primeiro álbum foi lançado no ano passado pela Som Livre, Afague. Eles tocam no dia 7/4, às 17h, no Palco Alternativo.


Suvaca di Prata

Já pensou em Stevie Wonder, na fase ‘Superstition’, com sotaque pernambucano e um toque mangue beat? É mais ou menos essa a toada da banda cheia de suíngue do Recife. Eles propõem releituras um pouco mais experimentais para faixas da black music e também tocam músicas autorais. O show acontece no dia 8/4, às 14h, no Palco Alternativo




Veiga & Salazar

A dupla formada pelo paulistano Gustavo Veiga e pelo argentino Andres Salazar leva refinamento ao hip hop. Eles acrescentam pitadas de bossa, jazz, soul e eletrônica ao estilo, criando um som melódico que escapa da mesmice rítmica. As letras também se destacam do tom monotemático que costuma dominar o gênero. A dupla se apresenta no dia 7/4, às 13h45, no Palco Perry.



Marcio Techjun

O criador e residente da noite MotherShip, do D-Edge, mostra a sua versatilidade eletrônica nas picapes do festival. Pesquisador de low BPM, ele já produziu músicas com referências que vão do house ao fusion jazz de Miles Davis. Atualmente, seus sets de deep house flertam com o jazz, bossa nova, rock e até música erudita. Ele sobe ao Palco Perry no dia 7/4, às 12h30.


Escrito por Time Out São Paulo editors
 

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus
 

© 2011 - 2016 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.