Time Out São Paulo

Cinco lugares para comer até altas horas em São Paulo

Conheça restaurantes para matar aquela fome noturna

Como todos sabem, São Paulo é uma cidade que nunca dorme. Poucos lugares no mundo possuem tantas opções para curtir a noite quanto a capital paulista. E com tanta coisa para se fazer até altas horas, a cidade oferece ótimas opções para se comer de madrugada. Escolhemos cinco delas, onde, seja para curar a bebedeira em uma balada, ou para matar aquela fome noturna, você encontrará bons pratos a sua disposição. 
 

Sujinho

Rua da Consolação, 2068, Consolação (3231-5207/ sujinho.com.br). Outro endereço Avenida Ipiranga, 1058, Centro (3229-9986)

Sem frescura, trata-se de boa e muita comida. A maior parte dos pratos do cardápio serve pelo menos duas pessoas, principalmente o frango à milanesa. Esta delícia frita e simples seduz até mesmo os clientes mais exigentes. Elogio semelhante pode ser feito ao filé mignon à parmegiana, impecável. Com tanta comida gostosa, este lugar é o máximo para quem quer comer bem sem gastar muito. Leia mais sobre o Sujinho

Rex

Rua da Consolação, 3.193, Jardim Paulista (2506-7386/ rexrestaurante.com.br)

Depois que a decoração cheia de esculturas e quadros kitch feitas por artistas paulistanos deixar de chamar a atenção e o menu de criativos hambúrgueres e comidinhas de bistrô fizerem a boca salivar, você vai perceber que algo especial acontece aqui. E ainda tem o jantar com comida sofisticada até as 4h, em pleno Jardins. Leia mais sobre o Rex

Paris 6

Rua Haddock Lobo, 1240, Jardim Paulista (3085-1595/ facebook.com/Paris6)

O número ‘6’ faz referência ao sexto arrondissement parisiense - o bairro de Sain-German-des-Prés, que inspira toda a decoração desse restaurante. Mas há toques bem brasileiros também, como a enorme televisão de tela plana que fica exibindo jogos de futebol e os pratos batizados com nomes de celebridades no menu. Mas, o que interessa mesmo é que esse restaurante funciona sem parar as 24 horas do dia. Leia mais sobre o Paris 6

Galinhada no Dalva e Dito

Rua Padre João Manuel, 1115, Jardim Paulista (3068-4444/ dalvaedito.com.br)

A aclamada galinhada do chef Alex Atala no Dalva e Dito chega em 2014 para a alegria dos leais seguidores dos festivais que acontecem tarde da noite. Dalva e Dito, a irmã mais acessível do D.O.M., interrompe o serviço à la carte à meia noite para dar espaço para a galinhada, o tradicional prato caseiro de frango, que aqui fica na cozinha para que os convidados se sirvam. Além do espírito de chegue e aproveite o jantar, o samba ao vivo completa a experiência. Leia mais sobre a Galinhada no Dalva e Dito

Estadão

Viaduto Nove de Julho, 193, Centro (3257-7121/ estadaolanches.com.br)

Um pioneiro do serviço 24 horas em São Paulo, o ‘Pernil do Estadão’, como é mais conhecido, é ponto de encontro da velha guarda. Seu nome é uma referência ao jornal ‘O Estado de São Paulo’, que ficava ali do lado nos anos 1970 e lotava seu balcão de jornalistas esfomeados. O sanduíche de pernil é a estrela do cardápio e é uma instituição paulistana. Suculento e bem substancioso, é uma refeição e tanto e ninguém se acanha em devorá-lo até mesmo na madrugada, quando o local fica cheio de motoristas de taxi, policiais e boêmios em geral. Leia mais sobre o Bar e Lanches Estadão
 


Escrito por Time Out São Paulo editors
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

Carnaval de rua em SP

20 shows gratuitos no aniversário de SP

Novidades no Jamie´s Italian