Time Out Viagem

Atrações

Como aproveitar o máximo da cidade que nunca dorme

A variedade de lugares para visitar em Nova York pode atordoar um novato. E, já que dias inteiros podem ser gastos apreciando o Metropolitan Museum of Art, o Soho ou o Bronx Zoo, você precisa ter um plano. Comece listando lugares dos quais você não abre mão de ver e consulte o guia para horários de funcionamento. Se suas fraquezas são olhar vitrine, arte, jazz, comida ou arquitetura, as opções listadas aqui certamente vão mantê-lo muito ocupado. Ícones de NY, como o Empire State Building, a Brooklyn Bridge ou Ellis Island, quase sempre satisfazem a todos, até mesmo os mais insensíveis. Reserve um tempo para andar ‘sem destino’, pois algumas das melhores atrações que a cidade oferece são surpresas escondidas, que estão apenas esperando ser descobertas... por você.

A Geografia

A cidade de Nova York é composta por cinco boroughs (distritos): Brooklyn, Bronx, Manhattan, Queens e Staten Island. O que falta em massa territorial à Ilha de Manhattan (a menor da turma) é mais do que compensado por seu poder cultural e comercial. Manhattan faz fronteira com Nova Jersey, do outro lado do Hudson River, a oeste; Brooklyn e Queens ficam a leste, do outro lado do East River; o Bronx fica ao norte, acima do Harlem River; e Staten Island fica ao sul, na boca do porto de Nova York. Dentro de cada borough há áreas de diferentes tamanhos divididas em bairros, como Midtown, Chinatown e o Upper East Side, todos mostrados nos mapas no final deste guia.

Visitando Museus

Visitar vários museus em apenas um dia pode ser estafante. Da mesma forma será frustrante tentar ver todas as principais coleções em uma única visita a museus do porte do Met ou do American Museum of Natural History. Portanto, programe-se e não se esqueça de comer: há uma incrível lista de cafés e restaurantes o aguardando nos museus. Ótimos locais para refeições incluem o Sarabeth’s, no Whitney Museum of American Art; o elegante Café Sabarsky, da Neue Galerie; o Café Weissman, no Jewish Museum; e a opção mais formal, o Modern, no Museum of Modern Art. Talvez seja uma boa idéia deixar museus para dias de chuva. Lembrando que a maioria deles oferece o alívio do ar-condicionado no verão grudento e o aconchego do aquecedor no inverno cruel de NY.

Se o clima estiver bom demais para ficar trancado, lembre-se que os jardins são jóias secretas de vários museus de Nova York. O Brooklyn Museum conta com o Brooklyn Botanic Garden, onde atrações incluem o jardim japonês, com pavilhão, pontes de madeira e o santuário xintoísta. O Cloisters, no lado norte de Manhattan, no Fort Tryon Park, foi um presente de John D. Rockefeller à cidade. Esse mosteiro reconstituído abriga a estelar coleção de arte medieval do Met. No verão, leve a cesta de piquenique e relaxe na paisagem que oferece o espetacular panorama do Hudson River e penhascos das Palisades de Nova Jersey.

Prepare-se para os preços locais; eles podem ser bem salgados (o ingresso para o recém-renovado MoMA custa US$20). Isto deve-se ao fato de que a maioria dos museus de NY é privado e auto-suficiente, recebendo pouco ou nenhum apoio do governo. Mesmo assim, a maioria deles – inclusive os mais procurados MoMA, Whitney e o Guggenheim – abre mão do custo do ingresso ou o tornam facultativo pelo menos um dia por semana. A maior parte também oferece descontos para estudantes e idosos com documentos válidos. Apesar de o Met sugerir uma doação de $12 por adulto, você pode pagar quanto quiser sempre que visitá-lo.

A maioria dos museus fecha nos principais feriados nacionais. Mas alguns abrem em certos feriados que caem na segunda-feira, como o Columbus Day e o Presidents’ Day. Outros, como o Dia:Beacon e o Queens Museum of Art, mudam os horários de acordo com a estação. Portanto, é bom ser precavido e sempre ligar antes.

Pacotes

Se você planeja visitar inúmeros museus – e está tendendo a fazer um Circle Line tour ou a visita ao Empire State Building (onde poderá evitar a fila) – considere comprar um CityPass de nove dias por US$53 (US$41 de 6 a 17 anos e grátis para menor de 6). Outra opção é o New York Pass, que inclui entrada em mais de 40 das principais atrações e instituições culturais da cidade, além de dar descontos em compras, refeições e outras atividades. Custa US$49 por dia (US$39 2-12 anos) e $139 por semana (US$99 2-12 anos). Compare as ofertas e compre em www.citypass.com e www.newyorkpass.com.

Fique Esperto

Nós garantimos que você vai se sentir dominado ou totalmente perdido quando for encarar nossa vibrante metrópole. Preste atenção: mesmo os nativos de Nova York se perdem e, freqüentemente, não sabem os caminhos. A melhor aposta é gastar alguns momentos estudando nossos mapas, antes de sair para a rua. E também dar uma olhada na seção Como se locomover.

Escrito por Time Out Viagem editors
Compartilhe

Comentários dos leitores

blog comments powered by Disqus

Outras notícias recomendadas

5 cidades no Brasil em que é possível ver neve

SP a Minas de carro

7 lugares incríveis para conhecer em Tóquio