Palma de Mallorca

Guia Palma de Mallorca - As melhores dicas de hotéis, restaurantes, bares e passeios em Palma de Mallorca

Contexto

 Refúgio elegante e característico do lindo litoral

Shutterstock

Palma, uma cidade agitada, de negócios, é a residência de mais da metade da população da ilha. Pelo seu porto dá para notar a sua importância, como é contado no excelente Museu de Mallorca (C/Portella 5, 971 717 540, fecha seg), que traça a história da cidade.

Os navios de cruzeiros atracados no porto ficam até pequenos se comparados com a enorme catedral (Plaça de l’Almoina s/n, 971 723 130, fecha dom), curvada ameaçadoramente à beira-mar. Passando pela sua fachada-fortaleza, a nave gótica restaurada por Antoni Gaudí, está iluminada por uma das maiores rosáceas transparentes do mundo.

A igreja foi construída no século 13 no lugar de uma mesquita – os mouros dominaram Maiorca durante 400 anos, e o trono do poderio islâmico, o Palau de l’Almudaina (C/Palau Reial s/n, 971 214 134, fecha dom), ainda está ao lado. Para oeste, a Sa Llotja (Plaça Llotja, 971 711 705, aberta durante exposições temporárias) era um lugar de comércio dos mercadores do século 15. Deu seu nome ao bairro histórico de Palam, onde as ruas estreitas estão lotadas de lojas, bares e restaurantes, cujas portas abrem para as praças arborizadas.

Os amantes da arte contemporânea estão bem servidos por dois novos espaços de exposições, o Palau March (Palau Reial 18, 971 711 122, www.fundbmarch.es, fecha dom), onde são expostas obras de escultores internacionais do porte de Rodin e Henry Moore, e o museu de arte moderna espanhol, o Es Baluard (Plaça Porta de Santa Catalina s/n, 971 908 200, www.esbaluard.org, fecha seg). Esse último, montado em uma fortaleza renascentista do século 16, tem obras de Picasso e Miró, entre outras, além de excelentes exposições temporárias.

A antiga casa de Miró, poucos quilômetros a sudoeste do centro, faz parte da Fundació Pilar i Joan Miró (C/Joan de Saridakis 29, 971 701 420, miro.palmademallorca.es/espanol/ , fecha seg), onde estão obras suas. Visite o circular Castel de Bellver e terá uma vista imbatível da cidade. Além disso, o museu da história da cidade fica no castelo (C/ Camilo José Cela s/n, 971 730 657, museu fecha dom), fora do centro.

• Informações turísticas: Casal Solleric, Passeig d’es Born 27 (971 729 634, www.palmademallorca.es ); no aeroporto tem uma filial.

Escrito por Time Out Viagem editors
Tags: 
 
 

© 2011 - 2014 Time Out Group Ltd. All rights reserved. All material on this site is © Time Out.